terça-feira, 30 de junho de 2009

ALIMENTE

Alimente um pássaro
E sinta o quanto a liberdade
é prazerosa.

Alimente um pássaro
E sinta a delicadeza
da canção que ele lhe oferece.
Alimente um pássaro
E sinta a fragilidade
daquele ser.

Alimente um pássaro
E sinta o quanto a natureza
é bela.

3 comentários:

ed disse...

Vejo e percebo neste espaço a singularidade do seu ser que se revela como alguém com extraordinária sensibilidade ao mesmo tempo que é forte, resiliente, guerreira.

Rosita disse...

Ed, obrigado pelas palavras. Venha sempre visitar este meu cantinho.
Rosita

Pétalas D'Alma disse...

Parabéns pelo belo texto! A natureza sendo assim tratada sempre se responde com sua beleza!
Bjus Sol